domingo, 10 de março de 2013

Poder

Posso eu seguir adiante, sem olhar para trás?
Posso eu ter iniciado este caminho, sem considerar o que ficou para trás?
Posso eu acreditar que, o resultado de tudo o que sou hoje é, a somatória de tudo o que ficou para trás?

Pode a criatura humana ser, sem passado?
Pode o coração humano sentir, sem passado?
Pode a mente humana entender, sem passado?

Posso mudar sem fazer comparações com o passado?
Posso acreditar usando como medida o passado?
Posso desejar o futuro sem ter vivido o passado?

Pode a criatura humana construir pontes de luz, sem ter visto a escuridão?
Pode o coração humano compartilhar sem ter experimentado a individualidade?
Pode a mente humana compreender sem ter entendido a razão das coisas?

Posso aceitar o passado sem dor?
Posso buscar o presente de amor?
Posso idealizar um mundo paz?

Pode a criatura humana transformar o mundo para melhor?
Pode o coração humano amar incondicionalmente o seu semelhante?
Pode a mente humana aceitar o outro como ele é?

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.