quarta-feira, 29 de setembro de 2010

Colou em mim

Tento não pensar, não lembrar
Mas você é uma cisma em mim
Quando me dou conta, sua imagem já está refletida no espelho da minha mente
Faço que não ligo, que não vejo
Mas... ela permanece, me sorri, me provoca, zomba da minha indiferença
Tanto faz se me dou conta ou não
Você mora ali, em algum lugar escondido, de mim mesma
Por horas e dias as vezes me esqueço...
Mas de repente, você se apresenta vivo e faceiro
Tão verdadeiro, que me assombra!
Tento entender o porque, reservei para você um lugar tão privilegiado na memória
Mas que importa?!
Você está aqui,
Vive em mim
Já não conta mais a distância e o tempo
Apenas esta imagem que preenche
Talvez uma necessidade, uma vontade, um desejo
Talvez até quem sabe um amor, uma paixão, um segredo...

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.