segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

A vida passa voando

Mais lento, porque a vida passa voando
Quero sentir todos os perfumes e ver todas as cores
Quero todos os amores e todos os amigos
Deixar pegadas nas calçadas
Deixar sorrisos soltos ao vento
Doar abraços a corações doloridos
E afagos as crianças perdidas
Quero o amanhecer ensolarado
E noites enluaradas
Quero um tapete de estrelas
E uma capa de espuma do mar
Quero um olhar de ternura
Gestos de pura doçura
Quero palavras cristalinas
Pedras pequeninas
Quero me dar por inteiro
E deixar de herança
Meu dom, meu tesouro mais verdadeiro
Quero partir num vôo pleno
Deixar no tempo apenas a poesia
De tudo o que eu via
De tudo o que eu sentia
Apenas o suspiro...
A vontade poderosa
O desejo constante
Todos os meus sonhos
Meus cadernos e a tinta...
Distinta parte do meu ser
Codificado em verbos e sinais
Mais lento, porque a vida passa voando...

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.