terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Diamantes

Diamantes trazemos aos milhares na bagagem do nascimento
E eles vão ficando pelos caminhos do crescimento
Sorrisos brilhantes, olhos faiscantes, coração cheio de sonhos
Vamos descobrindo que a vida tem mais carvão que pedras preciosas
Vamos deixando nossos diamantes...
As vezes entregamos alguns, guardamos outros sem nunca mais encontrar, vamos esvaziando nossa mala sem saber como resgatar
Alguns descobrem pelas curvas da experiência, modos de recuperar suas jóias
Outros perdem todas e acabam seus dias na profunda miséria da alma
Naquele mergulho no escuro de nós mesmos, onde a luz não penetra mais
Aprender a manter nossos diamantes e a multiplica-los é a grande lição
Vamos resgatar a fé infantil que, acreditava no papai-noel, coelho da pascoa e todas as histórias de lutas entre o bem e o mau.
Vamos acreditar mais na bondade e no amor
Vamos buscar uma motivação que vá além e valha mais a pena que, tudo o mais que possamos conseguir
Somos nós as cavernas onde se escondem os diamantes, não podemos perder aquilo que nós mesmos somos capazes de produzir
Pare agora, concentre-se na sua luz, no seu tesouro interior e permita que essa riqueza seja descoberta.

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.