sexta-feira, 5 de junho de 2009

Pax

Aqui no topo desta montanha
Contemplo, o horizonte
Onde céu e terra se confundem
Sinto...
O vento e o sol
A montanha está encrustada em meio ao mar
Por isto ouço as ondas que quebram lá embaixo
A minha volta só água e luz
No horizonte só o infinito
Venho sempre aqui buscar inspiração e tranquilidade
De túnica branca medito
Me conecto e desperto
Venho nas asas da minha vontade
Não há distância ou obstáculo que me impeça
Aqui sempre é dia e o sol sempre brilha no alto
Há uma árvore frondosa e um pé de manacá em flores
De vez em quando tenho a companhia do meu anjo...
Aqui purifico minha alma, recarrego meu espírito e encho meu coração
De amor, de verdade, de vida.
Pax.

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.