terça-feira, 22 de abril de 2008

Convite

Esse seu olhar
De dizer sem falar
Eu entendo você sabe
Porque usamos o mesmo código
Uma única mensagem
O nosso arranjar
De saídas e entradas
De querer começar
E o medo que delata
Nossos sonhos, talvez desmoronar
Esse seu olhar
De me querer e se apaixonar
Talvez nos custe magoa ou quem sabe magoar
E o meu olhar a ti buscar
Pra no silêncio tentar falar
Dos medos que meu coração
Ainda não cansou de sonhar
Os meus olhos dizem tudo
De toda alegria e toda dor
Do que espero e do que vou dar
Meu olhar é segurança
Do que se pode arriscar
E dor ou amor
Só depende de você

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.