terça-feira, 8 de abril de 2008

Luz do Sol

Amanheço ensolarado e quente
Caminho luz pelo passeio divergente
Aqueço a sombra da sua alma
E sigo pelo dia morno, sem calma

Meio-dia sou resplandescente no alto
Mas desço solitário no crepúsculo da tarde
A noite vem me buscar
Dama de negro com olhos de estrelas


Agora escondido atrás do horizonte
Novo passeio vou encontrar
No giro completo da bola azul
Seus olhos ficaram em outro lugar

Passa tempo, gira bola
Me traga de volta o lado de lá
E assim vivo meus dias
Sempre... sempre seus olhos a iluminar.

Quem sou eu

Minha foto

Nasci e cresci em São Paulo, morei em SBC, SMP, Osasco, Barra Funda e Vila Madalena. Estudei no Heckel Tavares, Architiclino Santos e na FIAM. Trabalhei na AMESP, ITD Trasnportes, Masul S/A, Editora Azul, Prodomo, ECT, Ogilvy & Mather, Ipê Clube, SGS do Brasil, Envolverde e Galáxia Projetos de Comunicação.